quinta-feira

My Creative Space #14 - 2013

Dado o estado caótico da minha vida profissional, não consegui ir ao encontro de tricot. O Ricardo Araújo disse e bem, a culpa é dos professores! Só ele para me fazer rir, vale a pena ler o seu artigo.
Depois do fim-de-semana, em terras alentejanas, e da  conversa com a Dona Miletina, fiquei com imensa vontade de aprender a tricotar meias.
 Já andava fascinada, nos encontros de tricot, com a malha de 5 agulhas. Hoje ia preparada para aprender, começando por  umas confortantes, mas terá de ficar para a semana.

 Fiquei deslumbrada com as meias da Serra D'Ossa, estas tricotadas pela minha futura professora, em terras alentejanas. Quando tiver tempo conto-vos as minhas descobertas. Gosto de viajar com e pelos livros, e foi o que fiz com a minha última compra, o livro "Malhas Portuguesas" da Rosa Pomar.
Kootoyoo, aposto que, por aí, nunca viram meias como estas, são únicas! Pena não haver a versão em inglês do livro da Rosa Pomar, para quem me visita através da página "My creative Space".

3 comentários:

Anónimo disse...

Gosto mesmo do seu blog!! Parece que andamos as duas a fazer as mesmas coisa... Bordados depois recentemente tricot!! O que eu gostava de ir aos encontros no Café Saudade... Um dia quando me reformar... Ah Ah. Hoje vi o seu post sobre meias e o livro da Rosa Pomar e também adorei o livro e estou a fazer as minhas primeiras meias... Pensei em fazer um workshop na Retrosaria mas sem tempo e outras coisas decidi comprar um livro e a semana passada comecei. É que fazer meias não é nada fácil mesmo com algumas ajudas nos blogs dados pela Zélia... O livro é da Ann Budd "Getting started knitting socks". Perfeito! Bjs nancy

Borboleta Serrana disse...

Fico feliz quando "conheço" pessoas como eu e que param para 2 dedos de conversa. A Nancy tem blogue?!

Boa sorte para as meias:-)
Bjns e bom fim-de-semana

Naná disse...

A minha sogra sabe tricotar com 5 agulhas e já fez meias para o meu filho e duas camisolas e um colete lindo.
Ela ficou de me ensinar como se faz. Ela faz aquilo tudo parecer tão fácil e simples.
Já eu prefiro o crochet, sinto-me mais à vontade!|